Barcelonando

O Mundo em Fotopoesia: Espanha
English Version
Barcelona, quem conhece não esquece. Cidade irreverente, excêntrica, dinâmica, moderna, mas ao mesmo tempo acolhedora e irresistível como a brisa que sopra do seu mar. Barcelona sagrada, da Sagrada Família que permitiu ao arquiteto Gaudí obras tão formosas e admiráveis. Barcelona das Ramblas por onde desfilam gentes de todo o mundo. Barceloneta dos peixes e frutos do mar, do porto e do teleférico no ar. Das muralhas e montanhas ao teu redor, castelos, símbolos da força-mor.
Cheguei à Barcelona precisando relaxar. Acabara de voltar do intenso Marrocos, de onde segui para uma curta estadia de 3 dias em Madri.  Lá tive a grata surpresa de rencontrar Dario, mexicano que também viajava pelo mundo. Tinha conhecido-o no começo de 2012, na Bahia, em minhas férias do último emprego. Pois justamente em agosto, sem combinar nada, trombei com ele novamente em Madri. Fizemos a festa. O hostel era bem acolhedor e a cidade é bem frenética. Toda noite tinha um evento ou um encontro. Sem contar a culinária fantástica da cidade. Fui ao famoso restaurante La Bola, onde degustei um cocido madrileño delicioso, a versão espanhola da nossa feijoada, porém um pouco diferente. Ao invés do feijão preto, grão de bico; o prato é servido em três partes, uma depois da outra. Primeiro, a sopa com o caldo da cocção, depois o grão com as verduras e por fim a carne cozida sobretudo de porco, mas também de galinha e vaca. Depois desse banquete, uma sesta no meio da praça pra deixar o estômago trabalhar melhor. A hora da sesta é bem interessante por lá, é possível ver todos os tipos de pessoas jogadas pelas praças depois do almoço, engravatados, madames, playboys. Em São Paulo, não sei se daria muito certo, mas que é muito bom tirar uma soneca depois do almoço, isso é. 
Mas eu falava de Barcelona, pois bem, logo que cheguei à cidade tive uma ótima recepção na casa de um alemão, Ralph, que gostava de hospedar brasileiros. Lá, encontrei mais dois acomodados em seu apartamento. Logo saímos a conhecer a noite da cidade. Caminhamos pelas pequenas vielas que nos davam acessos aos bares escondidos das grandes avenidas. É preciso ser um bom explorador para descobri-los. As ruazinhas estreitas podem enganar os desavisados, além de serem um pouco perigosas. Elas me lembram o cenário do Resident Evil, mas sem os zumbis. Por todo lado, é possível encontrar paquistaneses e outros eses vendendo cerveja barata pelas calles. Reza a lenda que eles costumam guardá-las nos bueiros para evitar a fiscalização. De minha parte, não me atrevi a consumi-las.
De dia, a cidade se transforma. Hora de explorar as obras de Gaudi, conhecer a catedral Sagrada Família que ele arquitetou, as obras deles no parque Guell. Sua arquitetura arrojada e futurista é incrível, a impressão que eu tive ao entrar na catedral foi a de estar em um lugar 200 anos a frente do século XXI. Em uma outra dimensão. Mas Barcelona é também mar e após uma curta caminhada cheguei ao bairro de Barceloneta, que parecia outra cidade. A brisa do mar por ali é marcante e as casas e ruas são bem diferentes do restante da cidade. Como a fome apertava, degustei um delicioso peixe e um ótimo vinho. A seguir um passeio de teleférico bem turistão mesmo e uma visita as montanhas que cercam a cidade. Barcelona é montanha também. À noite: ramblas, festas, becos, bares, paquistaneses e ramblas novamente. Bem divertida a noite catalã.
Fiquei apenas quatro dias na cidade, pois tinha voo marcado em seguida. Me despedi de Ralph e dos outros brasileiros e segui em direção à riquíssima Suiça. Barcelona ficou bem marcada em minha lembrança e por isso voltarei um dia sem dúvida pra esse pedacinho da Europa tão agradável. De lá segui então para Suíça e depois para Praga.
Mister Luram Toccacelli
Lake in Madri
Lake in Madri
Tribute to the Street-Sweeper
Tribute to the Street-Sweeper
El Cocido Madrileño
El Cocido Madrileño
Madri Architecture
Madri Architecture
Pigeons in Love Pombos se amando
Pigeons in Love
Pombos se amando
Salvador Dali
Salvador Dali
Madri Night
Madri Night
Ringing the Chapel Bell in Toledo
Ringing the Chapel Bell in Toledo
Toledo View
Toledo View
Toledo Cathedral
Toledo Cathedral
As a kid!
As a kid!
Super Toledo
Super Toledo
Madri
Madri
Like a Boss
Like a Boss
That's it!
That’s it!
Wine is Life
Wine is Life
Nothing like going to a restaurant in shorts. Nada como ir comer usando samba-canção.
Nothing like going to a restaurant in shorts. Nada como ir comer usando samba-canção.
Treadmill in the sidewalk
Treadmill in the sidewalk
Barcelona!!!
Barcelona!!!

??????????

Barcelona Pier
Barcelona Pier
The great View
The great View

??????????

Barcelona
Barcelona
Primeira vez que eu vejo um lugar onde é proibido cantar.
Primeira vez que eu vejo um lugar onde é proibido cantar.
Gaudí Fireplace
Gaudí Fireplace
Gaudí House
Gaudí House
Gaudí Aisle
Gaudí Aisle
Gaudí Chimney
Gaudí Chimney
Me and Gaudi in Hologram
Me and Gaudi in Hologram
Guell Park
Guell Park
Furious fish or Furious dog?
Furious fish or Furious dog?
Sagrada Familia
Sagrada Familia
Flying Christ Cristo de Pára-quedas
Flying Christ
Cristo de Pára-quedas
It looks like a church?
It looks like a church?
Fucking Hot!
Fucking Hot!

 

 Quero ver o mundo sem pressa

Quero ver o mundo sem pressa
Sem tirar a roupa no primeiro encontro
Sem chorar e sem cair em pranto
Logo que termina a peça
 
Andar de mãos dadas com um estranho
Comer as sobras de outra mesa
Rezar para um deus grego ou romano
Estar feliz por qualquer tristeza
 
Acordar bem cedo num domingo
Sair gritando pela rua deserta
Ir pra outra cidade pedir abrigo
Em camas alheias, em outras cobertas
 
Quero te ver sem ter que beijar
Quero te ter sem ter que falar
Quero te dar o que não posso ter
Quem foi que me ensinou a viver?
 
Por que sempre tenho que acertar?
E se hoje eu precisasse perder?
E se de fato o eu não tivesse que ganhar?
E se deverás o eu precisasse morrer?
 
O que será então do que disseram de mim?
Como saber para onde vou?
Porque se o eu não existe enfim
Quem vai chorar minha própria dor?
 
Largo-me ao vento ou saio a correr?
Caio em desespero ou sofro de amor?
Basta de precisar saber
Morre agora também o sabedor.

 Mister Luram Toccacelli

Anúncios